Mocha Stima’ah

0
12

O Mocha Stima’ah (ou Chochmah Stima’ah, “a sabedoria escondida”) é a sefirah de Chochmah dentro do partzuf Arich Anpin, a origem do sabedoria inerente ao poder da vontade. Em Chassidut, é chamado de coach hamaskil, “o poder de gerar nova inteligência”.

Na Mocha Stima’ah, “há uma razão oculta para a vontade”. Neste nível, aparece uma clara distinção entre “meios” e “fim”. Todo “significado” é por causa de um “fim”. Isso é o racional escondido por trás da vontade.

A Gevurah de Atik Yomin é “vestida” dentro do Mocha Stima’ah, o chochmah de Arich Anpin. A gevurah de Atik Yomin é a origem do poder de medir e limitar a realidade. É o Mocha Stima’ah que define os limites e limites de todos os seres emanados e criados. Assim, é a origem final dos “recipientes” do mundo de Atzilut, enquanto o Gulgalta (no qual é “cercado” o chesed de Atik Yomin) é a origem final das “luzes” do mundo de Atzilut.

Na Mocha Stima’ah, é inerente o poder supremo de “esclarecer” e “retificar” a realidade não retificada. O Mocha Stima’ah identifica, através do poder intuitivo super racional, as faíscas divinas capturadas e escondidas dentro da realidade não retificada. Por seu poder inato de vontade (é a sabedoria da vontade) é capaz de extrair e “redimir” as santas centelhas do seu estado de escravidão e exílio. O primeiro poder que encontramos no Mashiach é o do coach hamaskil (o poder de redimir), como está escrito em Isaías: “Eis que meu servo [o Mashiach] deve ter sucesso [yaskil, como no coach hamaskil]”. O “sucesso” inicial do Mashiach é a sua capacidade de redimir as faíscas caídas da Divindade (almas no exílio e que se desencadeia inerente em toda a realidade mundana) e elevá-los a um estado de plena consciência divina.

SHARE
Previous articleGulgalta
Next articleDikna

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here