Chochmah

0
216

Chochmah ou Chochmá(חכמה), que significa Sabedoria, é a segunda das Dez Sefirot, é o primeiro poder do Sechel(intelecto) consciente dentro da Criação, é a iluminação da Sabedoria, o insight, a raiz do intelecto. A Sefirah de Chochmah esta localizada na configuração da Sefirot na parte superior do eixo direito, e corresponde, no tzelem Elokim ao hemisfério direito do cérebro. A Sefirah de Chochmah possui dois partsufim.

O mais elevado dos dois partzufim primário de Chochmah é chamado de Aba Ila’ah (“maior pai”) que esta associado com o poder de extrair espontâneamente tal introspecção do domínio superconciênte, que é Keter.

O seu partzuf interior é chamado de Yisrael Sabba (“Yisrael, a pessoa idosa”), que representa a inclinação inerente à visão inicial da mente para “inundar” o coração. As inclinações inatas de Bet Shamai (para ser severo no julgamento) e Bet Hillel (para ser brando no julgamento) derivam do nível intelectual de Yisrael Sabba. Yisrael Sabba une e ativa o poder de Tevunah(“compreensão”). Tevunah recebe o poder de assimilar a compreensão intelectual, de modo que ele se torne uma experiencia no coração.

Em conjunto os dois Partzufim são referidos como Abba(“Pai”).

Em Chochmah estamos tratando de “sementes/centelhas” conceituais e novos insights, de algo estrememante elevado, insight esse que ainda não se desenvolveu completamente. E por ser esse estágio inicial, não desenvolvido, Chochmah está ligada de forma muito forte com a ideia de altruísmo. Pois uma pessoa altruísta, que esta ligada com esse nível de Chochmah, que busca esse oferecimento, se torna como um recipiente concavo que atrai a Luz Divina para ele próprio.

A palavra Chokhmah pode ser dividida em duas palavras – koach (“potencial”) e mah (“o que é”), o Zohar (Bamidbar 220b) nos mostra que koach mah, é “o poder de altruísmo”, ou, como cheich mah, “o paladar do altruísmo.”

Este estado espiritual é identificado na Chassidut, correspondente à Sefirah de Chochmah, é a de Bitul, que também esta alinhado com o altruísmo, que é em seu estado mais profundo o desejo de doar, onde não há o ego.

A “sabedoria” de Chochmah implica também a capacidade de olhar profundamente em algum aspecto da realidade e abstrata a sua essência conceitual até se consegue descobrir sua verdade axiomática subjacente. Estas sementes da verdade podem, então, ser encaminhadas para o poder de Binah em prol da análise intelectual e desenvolvimento.

Uma vezes que Chochmah é a força primária ainda não desenvolvida ou por assim dizer “O princípio”, podemos ver também esse conceito no processo criativo, como é dito: “יהוה בחכמה יסד ארץ” “HaShem com chochmah fundou a terra”1. A primeira palavra da Torá, Bereshit, “No princípio (D’us criou os céus e a terra),”2 pode ser entendida como “Com chochmah (D’us criou …).”

O valor numérico da palavra חכמה(Chochmah) é de 73, se somarmos todas as letras desse pasuk de Bereishis 1:1, alcançaremos o valor de 2701, que é exatamente o resultado de da soma de todos os números de 1 a 73(que é Chochmah).

  1. Mishlei 3:19
  2. Bereishis 1:1
COMPARTILHAR
Artigo anteriorKeter
Próximo artigoBinah

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here