Da’at

0
201

Da’at(דעת), que significa “Conhecimento”, é quarta das Dez Sefirot, e o terceiro e último poder consciente do intelecto na Criação. Geralmente, Da’at só é enumerado entre as Sefirot quando Keter não é contada. Isto é devido ao fato de Da’at representar o reflexo da dimensão interior de Keter dentro do domínio da consciência. Só assim Da’at aparece no eixo central, dentro da configuração da Sefirot, exatamente abaixo Keter e, correspondendo, no tzelem Elokim ao cerebelo (a parte posterior do cérebro).

Da’at está associada na alma com os poderes de memória e de concentração, poderes que dependem de “reconhecimento” (“hakarah”), bem como “sensibilidade” (“hergesh”) para o significado potencial daquelas idéias geradas na consciência através dos poderes de chochmah e Binah. Esta sensibilidade em si deriva a conexão de Da’at à origem superconsciente da alma.

Da’at opera em dois níveis:
O nível mais elevado, é conhecido como Da’at Elyon, que significa literalmente “conhecimento superior” ou Da’at hane’elam, que significa “conhecimento oculto”. Esse são responsáveis pelo ligação contínua entre as duas potências mais elevadas do intelecto, sendo elas Chochmah e Binah

O nível mais baixo, é conhecido como Da’at tachton, que significa “conhecimento inferior” ou Da’at hamitpashet, que significa ” conhecimento estendido”. Esses são responsáveis por conectar o intelecto, como um todo, com o reino da emoção(que são as sefirot que estão posicionadas abaixo da linha de Da’at), reforçando assim a sua determinação e vontade de agir de acordo com as verdades essenciais que se integrou na consciência.

Sobre o nível de Da’at é dito: “os quartos estão cheios de Da’at”1. Os “quartos”(חדרים) são as câmaras do coração, as emoções da alma (como aludido pela palavra חדר (“cheder”) que significa “quarto” no singular, que é um acrônimo para chesed din rachamim, as três emoções primárias da alma). A consciência interior de Da’at preenche estes quartos e os anima como faz a alma ao corpo.

O Zohar, refere-se a este nível, de Da’at, como sendo “a chave que inclui seis”. A “chave” de Da’at abre todas as seis câmaras (atributos) do coração e os enche com a força vital. Cada uma dessas seis câmaras, quando são enchidas com Da’at, é referido como uma dei’ah particular (“atitude”, a partir da raiz de Da’at) da alma.

Podemos ver esse princípio mesmo na própria palavra Da’at, que inclui e gera as seis dei’ot.
O valor número da palavra Da’at é 474. O valor número da palavra Dei’ah é 79.

4 + 7 + 4 = 15
1 + 5 = 6

Se multiplicarmos pelo valor de dei’ah que é 79 temos Da’at que 474. Ou podemos fazer de um modo mais simples e claro, onde 474 divido por 6(sendo seis a quantidade das Sefirot que estão relacionadas com a emoção) daria exatamente 79 que é o valor de dei’ot.

Para a Chassidus o estado espiritual da Sefirah de Da’at é correspondente a Yichud “unificação”.

  1. 1 – Provérbios 24:4
COMPARTILHAR
Artigo anteriorBinah
Próximo artigoChessed

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here